Nelore MS
Ranking Oficial MSRanking do CriadorProva Ganho de PesoExpoinel MS
Confinadores de Goiás fecharam o gado mais cedo este ano

Confinadores de Goiás fecharam o gado mais cedo este ano

22 de julho de 2010

Muito descanso e cinco refeições diárias. Assim é a rotina dos bois confinados na fazenda. O gado chega com cerca de 13 arrobas e engorda seis em apenas dois meses.

 

Na fazenda são 2,5 mil animais confinados e haja comida para tanto gado. Para ser ter uma ideia, entre ração e silagem cada um come uma média de 20 quilos por dia.

 

A boiada já está vendida para frigoríficos de São Paulo. A arroba foi negociada a R$ 80, preço que anima os criadores. Por causa da boa fase no mercado, os pecuaristas fecharam o gado mais cedo este ano: em maio. Adiantaram um mês.

 

“Como a falta de boi estava grande no mercado, nós optamos em começar mais cedo para ganhar um pouco mais”, justificou Carlos Nascimento, gerente da fazenda.

 

Ricardo Safatle confina gado há mais de 20 anos e começou com 40 cabeças. O pecuarista está satisfeito com o mercado e tem a intenção de aumentar ainda mais o número de animais na fazenda. A ideia é confinar gado o ano todo.

 

“Eu tenho que aproveitar o espaço e a estrutura para não deixar parado. Na verdade, são dois meses que diminuem o número de bois, que é dezembro e janeiro. Então, nesse período a gente vai trabalhar com poucos animais e depois continuar com a mesma quantidade de animais que tem hoje no meu espaço físico aqui dentro”, explicou Safatle.

Fonte: Campo News
Voltar a página anterior
Todas as Notícias