25ª etapa do Circuito Nelore de Qualidade 2021 será em Campo Grande (MS)

Notícias

Cerca de 500 animais devem participar da etapa do Circuito Nelore de Qualidade, no frigorifico Friboi, de Campo Grande (MS), nos dias 22 e 23 de novembro. Esta etapa é organizada pela Associação dos Criadores de Nelore do Brasil (ACNB) e a Associação Sul-mato-grossense dos Criadores de Nelore (ASCN). O Circuito tem apoio de Friboi e Matsuda Sementes e Nutrição Animal.

“O Circuito volta ao Mato Grosso do Sul. Oportunidade de os pecuaristas mais próximos à capital participarem do abate técnico e nos brindar com um show de qualidade de carne, como tem sido nas etapas realizadas no estado”, destaca André Locateli, gerente executivo da ACNB.

Raphael Zoller, presidente da ASCN, destaca a importância do Circuito. “A cadeia produtiva da carne recebe uma importante contribuição através dos abates técnicos e avaliações de carcaças da raça Nelore, promovidas pela iniciativa da ACNB e do grupo Friboi, no Circuito Nelore de Qualidade”.

Para ele, a realização desta etapa no município de Campo Grande tem grande valia para a pecuária do estado. “A praça de Campo Grande é bastante tradicional e já conhecida pela qualidade dos animais abatidos. Nós da Nelore MS temos muito orgulho e oferecemos apoio irrestrito a nossos sócios e produtores do Mato Grosso do Sul na participação desta etapa”, diz o presidente.

“Através desta ferramenta é possível quantificar o nível de evolução das carcaças perante o setor, e o mais importante, promover melhoramento genético e maior rentabilidade aos produtores além de entregar para os consumidores a qualidade e segurança da melhor carne do mundo, a carne Nelore”, completa Raphael.

Se encaminhando para sua reta final, os campeonatos do Circuito Nelore de Qualidade 2021 começam a se definir. As últimas etapas devem levar muita emoção para decidir os vencedores nacionais de cada campeonato. Os próximos lotes avaliados podem ser essenciais para mudanças de posições tanto no campeonato de machos, quanto no de fêmeas.

Neste ano, o Circuito conta com mais um campeonato nacional: “Melhores Lotes de Carcaças de Animais com Pai Identificado”, com a participação de progênies de touros identificados. Trata-se de mais uma oportunidade para comprovar a qualidade da genética selecionada.

Outra novidade é a Medalha Ouro Branco, que valoriza os lotes de fêmeas com até quatro dentes incisivos permanentes (d.i.p.) e machos castrados com até dois d.i.p., com cobertura de gordura na carcaça mediana ou uniforme e peso de carcaça quente entre 16 e 25 arrobas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *